Maçonaria – Parte 1

Hoje na maçonaria do Grande Oriente do Brasil existem sete principais Ritos Maçônicos:
Rito Escocês Antigo e Aceito, Rito Moderno, Rito York, Rito Brasileiro, Rito Adonhiramita, Rito Schroeder e Rito Escocês Retificado.

Rito é como uma lei, um conjunto de preceitos e obrigações gerais que produz efeitos sobre aqueles que estão sob seu alcance. Como uma lei, um Rito reflete princípios que o orientam, possui elementos históricos, além de buscar um objetivo específico.

Explicarei em poucas palavras para conhecimento de pessoas que pretendem ingressar na maçonaria cada um dos ritos praticados no Brasil. O primeiro passo antes de solicitar o ingresso nos quadros da Ordem Maçônica, depois do pretendente ser apresentado por um maçom que seja participante de um Rito desejado (relação a seguir), deve este autoavaliar-se em busca de seus valores, costumes, atitudes, e comportamentos sociais exteriorizados cotejando-os com algumas premissas que serão a ele entregue. Feita esta escolha e preenchida a proposta, a loja escolhida irá analisar se o pretendente pode ser aceito.
Começo explicando brevemente os sete principais ritos maçônicos praticados na Maçonaria do Grande Oriente do Brasil para aqueles que desejam ingressar na ordem.

Cada rito tem suas tradições, filosofias e cerimônias únicas, é por estas lista que o pretende deve guiar-se, para escolher a que está mais próxima da estrada que deseja caminhar.
1. Rito Escocês Antigo e Aceito (REAA): Este é um dos ritos mais difundidos e praticados em todo o mundo maçônico. Ele consiste em 33 graus, com ênfase na busca pelo conhecimento e na espiritualidade. Os membros exploram a história, a simbologia e os mistérios da Maçonaria ao longo de sua jornada.
2. Rito Moderno: O Rito Moderno é conhecido por sua estrutura simplificada e é composto por 33 graus. Este rito enfatiza valores éticos e morais, promovendo a reflexão sobre o desenvolvimento pessoal e a busca pelo aprimoramento humano.
3. Rito York: Este rito é comum nos Estados Unidos e é composto por dez graus. Ele foca em valores cívicos e filantrópicos, além de enfatizar a importância da virtude e da caridade.
4. Rito Brasileiro: O Rito Brasileiro foi criado no Brasil e é exclusivo para o país. Ele tem como objetivo destacar elementos históricos e culturais brasileiros na prática maçônica, conectando a tradição maçônica à história do Brasil.
5. Rito Adonhiramita: Este rito se concentra na espiritualidade e no simbolismo, com ênfase na busca pelo aperfeiçoamento espiritual e moral. É composto por sete graus e tem raízes na tradição maçônica francesa.
6. Rito Schroeder: O Rito Schroeder é conhecido por suas características ecléticas, incorporando elementos de outros ritos maçônicos. É menos difundido e praticado em comparação com os ritos mencionados anteriormente.
7. Rito Escocês Retificado: Este rito tem uma forte ênfase na espiritualidade cristã e busca a harmonização entre fé e Maçonaria. Seus membros são incentivados a viverem de acordo com os princípios cristãos e a trabalharem para o bem da humanidade.

Compartilhe nas suas redes socias!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *